Fábio Seixas

Automobilismo e pitacos sobre tudo o mais

Perfil Fábio Seixas, 38, é jornalista com mestrado em Administração Esportiva

Perfil completo

O contrato de Senna em 1987

Por Fábio Seixas
10/07/13 10:12

Senna tinha uma empresa nas Bahamas, exigia status de primeiro piloto, era proibido de esquiar, andar de moto e voar de asa-delta, dava parte dos prêmios aos mecânicos e era obrigado a lidar com a imprensa de “forma totalmente profissional”.

Tudo isso estava em contrato.

Ou pelo menos em um dos seus contratos na F-1.

Está na rede, no site da Legacy Tobacco Documents Library, o contrato do brasileiro com a Lotus para os Mundiais de 1987 e 1988.

A equipe tinha fortes ligações com a R.J. Reynolds, naquela época utilizando a marca Camel. Daí que o documento foi parar no tal arquivo, um compêndio virtual sobre a indústria de cigarro mantido pela Universidade da Califórnia.

O link direto é este aqui.

A dica foi do Bruno Gibin, a quem o blogueiro agradece.

São 19 páginas de um documento histórico, cheio de curiosidades, que ajuda a entender um trecho importante da carreira do tricampeão, então um piloto em busca da consagração.

Vale, ainda, pela raridade do fato. Eu nunca havia lido um contrato de piloto de F-1. Até hoje.

Senna estreou na categoria em 1984, pela Toleman. No ano seguinte, já era piloto da Lotus.

Estamos falando, portanto, do contrato para suas terceira e quarta temporadas pela equipe. Esta última acabaria não acontecendo: o brasileiro fez valer uma cláusula, rompeu com o time e acertou com a McLaren para 1988.

Começando pelo começo.

O contrato foi assinado em 1º de janeiro de 1987. E isso já guarda uma curiosidade: não leva a lavra do brasileiro, mas de um advogado, seu procurador. No sentido literal da coisa, Senna não assinou o papel.

As duas partes são Team Lotus International Limited, com sede de Wymondham, na Inglatera, e Ayrton Senna da Silva Promotions Limited, com sede em Nassau, nas Bahamas. Um paraíso fiscal.

É válido por dois anos, mas estipula uma data-limite para rescisão, partindo de qualquer lado, sem exercício de preferência ou multas: 8 de agosto de 1987.

Sabemos, agora, que Senna usou esta saída quando se viu descontente com o desempenho do carro e recebeu um aceno da McLaren.

O contrato também determina que, antes desta data, nenhuma parte negociasse com terceiros. Senna provavelmente não seguiu esta cláusula à risca: no dia 9 de agosto, na Hungria, a imprensa já cravava sua ida para a McLaren, o que foi oficializado menos de um mês depois, em 4 de setembro.

Há obrigações para os dois lados, como em qualquer contrato.

Senna cede para a Lotus a “exploração de seu nome e fama”. Compromete-se a mudar da Inglaterra, por uma questão fiscal _foi morar em Mônaco, como sabemos. Abre mão de praticar os esportes radicais já citados.E garante presença em eventos de patrocinadores da equipe, até 31 de dezembro, desde que avisado com dez dias de antecedência. Despesas por conta do patrocinador.

Já a Lotus faz um seguro de vida de £ 50 mil para o piloto, o que, com todas as correções, hoje equivaleria a R$ 405 mil. Uma piada. Desobriga-o a fazer propagandas de cigarro. Cede espaços no capacete e no macacão para seus patrocinadores pessoais. Garante que naquele ano terá motores Honda, patrocínios da Elf, da R.J. Reynolds (Camel) e da própria Honda, e que o francês Gerald Ducarouge será o engenheiro-chefe.

Mais: na cláusula 4.3, a Lotus concorda em “empenhar todos os esforços para que os carros da equipe sejam os mais idênticos dentro do possível” e que o status de Senna “será o de número 1, com todas as prioridades na alocação de equipamentos, se houver necessidade”. Pobre Nakajima.

O capítulo grana está nos apêndices.

Por aquele primeiro ano, Senna ganhou salário de US$ 1,5 milhão. Com todas as correções e conversões, isso equivaleria a US$ 4,7 milhões atuais, ou R$ 10,7 milhões.

(Alonso e Hamilton ganham, hoje, US$ 25 milhões, segundo a “Business F1″ . Massa recebe US$ 7,7 milhões. Sinal dos tempos.)

O acerto para 1988 era de US$ 1,65 milhão.

Deve ter ido ganhar muito mais na McLaren, contrato anunciado à época como “o maior da história”.

Havia ainda um acerto de bônus por ponto que ele conquistasse: US$ 4 mil no primeiro ano, US$ 5 mil no segundo.

Senna terminou aquele Mundial em terceiro, com 57 pontos. Mais US$ 228 mil pra conta, portanto.

O título valeria US$ 250 mil extras.

Ele recebeu ainda US$ 40 mil por ano para custear despesas de viagens e estadia.

Em caso de prêmios em dinheiro oferecidos por promotores de corridas, equipe e piloto ficavam com 45% cada. Os 10% restantes iam para os mecânicos.

E uma curiosidade que sempre tive: com quem ficam os troféus?

Este contrato rezava que metade ia para a sede da equipe, metade ficava com o piloto. Mas a prioridade na escolha era da Lotus.

Ah, sim: algo de que eu não lembrava. Lembram do indefectível boné do banco Nacional? Em 1987, Senna não o usou por força de contrato.

“Em consideração aos esforços da Lotus por recursos, a Ayrton Senna Promotions concorda que o piloto usará o boné que a equipe definir em áreas públicas dos circuitos, testes, eventos com a imprensa e entrevistas de TV, substituindo o boné do Nacional que ele usou em 1986. Continua a obrigatoriedade pelo uso do boné da Goodyear nas cerimônias de pódio.”

Como se vê na foto acima, em Jacarepaguá, o time acabou vendendo o boné para a Elf.

Um achado, um tesouro. Vale a pena ler e guardar.

  • Comentários
  • Facebook

339 comentários feitos no blog

  1. Dubek comentou em 18/07/13 at 1:26

    Sou da velha guarda e fã incondicional do Piquet, pelos seus méritos de campeão: sucesso nas pistas e nos bastidores (conhecedor de carros). Assim como Fittipaldi, é lembado e reverenciado pelos seus feitos de homem incomum e marcaram época. Vamos admirar o Senna, na mesma proporção, ou seja, como um campeão que sucedeu aos primeiros, sem transformá-lo em Mito, para ser explorado até hoje. Acho que, se as revelações atuais já fossem do conhecimento público à época de seu sucesso, os olhares e aplausos estariam mais ajustados ao modelo.

  2. Mauro comentou em 17/07/13 at 23:33

    Reflitam: o dinheiro foi tirado de nós, do povo? … então que diferença faz, ele fez o que faz todo brasileiro que consegue, fugir de pagar taxas exorbitantes em impostos que nunca revertem totalmente a nosso favor. Todos que condenam aqui, sou capaz de jurar que fariam igualzinho, todos nós se pudermos sonegaríamos mesmo. E lembrando que nem sonegar ele sonegou, só não trouxe pra cá, tá certo ele.

  3. Valmir Dias comentou em 15/07/13 at 10:31

    Senna, recebia pelo seu trabalho, seu trabalho era pelo mundo, não há nada de errado em guardar sua fortuna, onde achasse melhor, agora os politicos roubam do povo, para guardar nesses paraisos fiscais, para que não sejam identificados… Essa é a grande diferença.

    • J Fernando comentou em 17/07/13 at 21:43

      -Povo brasileiro (voz contrita): AMÉM!!

  4. McbAzevedo comentou em 13/07/13 at 20:16

    Eu não acredito que tem tanta gente condenando que os pilotos tinham suas empresas/dinheiro em outros países. Os caras não trabalharam no Brasil, tinham contratos com empresas internacionais para trabalhar ao redor do mundo! Qual a razão para colocar o dinheiro no Brasil, onde a carga tributária é enorme? Não sejamos hipócritas, oras! Praticamente todos os pilotos têm contas e moram oficialmente em países tributariamente mais camaradas, como mônaco. Saudações.

    • Selton comentou em 14/07/13 at 22:36

      tem conta legal , não conta em paraísos fiscais, pra esconder o dinheiro. essa é a grande diferença.

  5. arara comentou em 13/07/13 at 12:47

    Infelizmente, o QI de gde maioria desse pessoal que comenta aqui, é de uma ostra! Tudo isso é perfeitamente normal e desde que me entendo por gente foi assim. Porque a surpresa com o óbvio? F1 não é corrida carrinho de rolimã não, é coisa séria, de alto custo, de alto risco de morte e de insucesso no investimento. Pra mim tdo normal. Agora é duro ver, mas aí é uma questão de guardar as devidas proporções de épocas, que uns pé de breques ai, têm salários maiores do que os maiores da história da F1. But, business are business!!! And, Game Over!

  6. Carlos Roberto da Silva Junior comentou em 12/07/13 at 2:40

    O Senna era o cabeça de chave da equipe, então ele tinha sua regalia sim! Por que não? O Massa e o Rubinho nunca foram cabeças de chave de uma grande equipe, e por isso sempre foram dominados pelos seus parceiros. O Senna tinha o direito de colocar o seu dinheiro onde quiser, e onde bem entender!

    • joão Castan comentou em 13/07/13 at 3:34

      sim até enfiar em paraíso fiscal e ser malandro que nem qualquer sem caráter to com você

  7. Fábio deoliveira comentou em 11/07/13 at 17:20

    Faz parte de contrato de qualquer equipe o 1 piloto. E Agora o que vocês dizem a respeito de senna é besteira pois ele foi simplesmente genial .Nehum piloto fez os feitos dele tendo carro não tão bom. ele chegou na maclaren e lá tinha o “Todo poderoso Prost” 2 vezes campeâo. E será que prost não tinha alguns privilégios! Senna so era promessa e simplesmente o colocou no bolso . Senna é o cara . geniall

    • Amadeu comentou em 11/07/13 at 20:20

      Mas a parte do dinheiro em paraíso fiscal ai não precisa ser nenhum gênio é só colocar la e não declarar em lugar nenhum.

      • Fábio deoliveira comentou em 11/07/13 at 21:09

        Vocês não são capazes de ser solidário como ele que ajuda milhares de crianças carentes desse País da desigualdade social. No qual ele não tinha vergonha de dizer eu sou Brasileiro Respeitem, Respeitem Ayrton senna da Silva do Brasil.

        • Sebastião comentou em 12/07/13 at 15:48

          Ahhh não tinha vergonha de dizer sou brasileiro, mas o dinheiro dele ficava escondido nas Bahamas, Ah cara você ta fazendo piada não é.

          • Sebastião comentou em 12/07/13 at 15:49

            ah en ão é do Brasil é Ayrton Senna das Bahamas, fanatismo tem limite ponha os pés no chão.

          • Sebastião comentou em 12/07/13 at 15:50

            e tem um monte de político que da leite pras criancinhas e enchem de dinheiro roubado do governo nas Bahamas ou outros paraísos fiscais, que bem que ele faZ?

          • Ricardo Ferreira comentou em 15/07/13 at 14:12

            Seus xaropes. Todo mundo que fica multimilionário deixa uma parte de sua fortuna em paraísos. TODOS. Isso é absolutamente normal. Até parece que vocês deixariam tudo aqui felizes da vida pagando impostos absurdos ao nosso super competente e honesto governo. Hipócritas.

        • Matheus comentou em 12/07/13 at 16:02

          Da com uma mão e tira com duas, políticos fazem isso toda hora e você ainda defende tal ato, deve votar nessas porcarias que estão ai governando esse país.

      • Fábio deoliveira comentou em 11/07/13 at 21:19

        Pô! vocês são Alemães, Franceses , Nossos grandes ídolos Piquet, SENNA, Emerson são Brasileiros! Respeitem!

        • Sebastião comentou em 12/07/13 at 15:52

          exatamente isso ídolo se idolatra, quebrou a imahem do ídolo Senna, ele abriu conta em paraíso fiscal, agora é um malandro qualquer.

        • Matheus comentou em 12/07/13 at 16:03

          larag mão de ser ridículo quer dizer que porque o cara é ou foi famoso ele pode fazer o que quiser que se dane a imagem dele, roubou como qualquer punguista de quinta categoria.

      • abelardo comentou em 12/07/13 at 9:53

        Declarar onde? Quando você vive fora do país não precisa declara IR aqui…

        • Sebastião comentou em 12/07/13 at 15:53

          ele não declarou em lugar nenhum mesmo, ele escondeu o dinheiro em um paraíso fiscal, gatunou como qualquer político ladrão que muitos colocam no governo pra roubar.

          • arara comentou em 13/07/13 at 12:52

            Isso, vc também pegaria seu $$$ e daria para a Receita Federal olhar pra vc…larga de ser troncho, raciocina véi, põe o pé no chão. Vc deve ser petista nao é possível!

          • Ari comentou em 16/07/13 at 23:03

            TU TÁ QUERENDO APARECER, XAROPE?? KKKKK PASSANDO ATESTADO DE BURRICE. SE ELE MORAVA EM OUTRO PAÍS E TRABALHAVA PELO MUNDO… SÓ VC ACHA A BESTEIRA QUE ESTÁ “PREGANDO”, ANTA… RECLAME, MALDIGA, TORÇA PELO BRASIL E CONTINUE DEIXANDO SEU DINHEIRO AQUI PARA SEUS POLÍTICOS USAREM… BESTA QUADRADA!

        • Matheus comentou em 12/07/13 at 16:04

          em lugar nenhum ele não declarou em lugar nenhum fraudou a todos, por isso que abriu conta em paraíso fiscal era um descarado.

          • Ari comentou em 16/07/13 at 23:04

            KKKKKKK. TONTO…KKKKKK

        • Fabio Furtado comentou em 17/07/13 at 15:37

          Nao eh bem assim, o dinheiro que se recebe em premios em um pais normalmente eh declarado nesse pais, veja o caso dos EUA, nao importa a nacionalidade do atleta (piloto, tenista, etc), quando o mesmo eh campeao de um torneio nos EUA, 40% fica retido para IR. Eh um valor bem maior que no Brasil. o Senna colocou num paraiso fiscal pela simples razao de nao declarar isso e nao pagar impostos.

      • arara comentou em 13/07/13 at 12:49

        E vc p.ex faria diferente? Conversa de p.. pra delegado! Afffff

    • Alberto comentou em 12/07/13 at 15:52

      Foi genial sim Fábio mas outros também foram. Quanto ao ” Todo poderoso Prost”, fez 88 e 89 junto com Ayrton e marcou mais pontos que ele nas 2 temporadas……

      • Daniel Médici comentou em 13/07/13 at 12:43

        E ganhou menos corridas nas duas temporadas tb. Critério é um negócio difícil, parece objetivo, mas nunca é…

      • arara comentou em 13/07/13 at 12:53

        E?

        • Alberto comentou em 15/07/13 at 9:04

          E….. ele não foi o único genial e sim um deles

  8. Glaucio Branco comentou em 11/07/13 at 17:18

    O pre-CONTRATO de patrocionio da Marlboro com o Emerson para a temporada de 1990.. Condicionasdo a assinatura dela com a Penske.

    http://legacy.library.ucsf.edu/tid/duo70h00/pdf

  9. Fábio deoliveira comentou em 11/07/13 at 17:13

    Faz parte de contrato de qualquer equipe o 1 piloto . Agora o que vocês dizem de senna recem chegado na Mc laren e o Prost 2 vezes Campeão e senna colocou ” prost todo poderoso” na bolso. Parem de falar besteira de senna , ele foi genialllllllllllllllllllll ! E pronto

    • Alberto comentou em 12/07/13 at 15:53

      O geniallllllllllllll fez menos pontos que Prost em 88 e 89!!!!!!!!!!!!

    • arara comentou em 13/07/13 at 12:57

      Genial não, ele era de outra galáxia. Tem uma turminha aki, que de F1 entende tanto como eu, de física quântica, dando palpite sobre o que nao entende! Nem sabem dirigir acho, tdo motoristas de taxis, sem desmerecer a categoria, mas F1 é $$$$$$$ e talento e pé pesado no pedal da direita.
      Hj essas parafernálias quase andam sem piloto…

      • Selton comentou em 14/07/13 at 22:38

        vai nessa.

      • Alberto comentou em 15/07/13 at 0:08

        “Hj essas parafernálias quase andam sem piloto…”
        To impressionado com o quanto vc entende….

      • Fabio Furtado comentou em 17/07/13 at 15:50

        SE voce entende tanto, pergunta para um piloto o que era mais dificil o carro de hoje com os de antigamente. Naquela epoca tinha menos recursos e tecnologia, mas hoje com toda essa tecnologia embarcada o piloto precisa conhecer muito mais e controlar muito mais coisas dentro do carro, o que nao muda eh o talento, quem tem mais ganha mais. E nao me venham com a ladainha que o Senna ganhava com carro pior, ele so foi campeao com o melhor carro, so ganhou na McLaren que em 1988 ganhou 15 das 16 corridas, nem a Ferrari e Red Bull foram tao dominantes, isso eh papo de fanatico.

  10. Marcelo comentou em 11/07/13 at 14:19

    ESSES CONTRATOS DE SENNA E PIQUET EXIGINDO CONDIÇÃO DE PRIMEIRO PILOTO É UM TAPA NA CARA DOS PACHECOS QUE SEMPRE SATANIZARAM SCHUMACHER NA FERRARI. Bastar observar a pontuação de Senna e Piquet nas temporadas em relação aos companheiros. Tirando Mansell na Williams(85-86) e Prost na Mclaren(88-89), Senna e Piquet sempre tiveram MORDOMIAS nas equipes. Na maioria dos casos, o segundo piloto sequer existia no time…

    • Giovani Jardim comentou em 11/07/13 at 15:46

      Foi o que pensei também. hahaha

    • Amadeu comentou em 11/07/13 at 18:05

      tapa na cara de ninguém , todo mundo com um minimo de censo ja sabia disso até os maiores pachecos.

      • Alberto comentou em 12/07/13 at 15:55

        Então aqui poucos tem esse “censo” pois o chororo é tanto!

    • abelardo comentou em 12/07/13 at 20:07

      Ah, então quer dizer que o Nakajima só não passou Senna e Piquet porque tinha uma cláusula no contrato e se não tivesse a tal então ele teria ficado à frente dos dois? Agora, repare que impedir ultrapassagem no contrato, no do Senna não tinha essa garantia…

  11. RENE FERNANDES comentou em 11/07/13 at 12:20

    Para os puristas e moralistas, informo que faria o mesmo…Dar seu dinheiro suado e, no caso dele, arriscado, para um saco sem fundo de horrores orçamentários é um comportamento estúpido! Gosto do meu País mas não gosto de sustentar Vagabundos parasitas! É simples assim…O que sobra em alíquotas, falta em moralidade e ética….

    • Paulo comentou em 11/07/13 at 12:27

      eu também faria, mas os fanáticos que o defendiam com unhas e dentes falando que ele era o modelo pras crianças seguirem e bala bla tem que enfiar a viola no saco, aquele que diziam que ele defendia o Brasil e por ai vai tão tudo chocados? nããããoooo tão abrindo uma frente de defesa pras flacatruas que ele fez,

      • men comentou em 11/07/13 at 22:12

        Vc confunde bagos com bugalhos.
        Ele ganhou o dinheiro fora daqui. Não tinha obrigaçao moral nenhuma de pagar impostos aqui. Não há falcatrua nisto. Nem os ingleses que fizeram mais por ele neste esporte devem por isto em debate.
        Isto não desmerece em nada o piloto e com certeza quem o admira pelas boas açoes, assim continuará.

        • Sebastião comentou em 12/07/13 at 15:56

          ele não declarou esse dinheiro em lugar algum, ele colocou num paraíso fiscal, será que tem que abrir a caixa do crânio de vocês e enfiar la dentro, são muito fanáticos, ele não declarou esse dinheiro em lugar nenhum era como se não existisse, foi malandro.

          • Ricardo Ferreira comentou em 15/07/13 at 14:33

            Paraísos fiscais existem legalmente. Não é crime colocar dinheiro lá, se o dinheiro não vier de crime. Ele punha dinheiro lá e ainda punha dinheiro no Brasil também, mesmo sem ter que fazer isso, pois ele nem morava aqui.

  12. Celso SP comentou em 11/07/13 at 9:08

    O que tem de gente que gosta de denegrir a imagem alheia não tá no gibi. Deve ser por culpa de se imaginar que ele está anônimo realmente.

    Alguém só pode acusar ele de sonegação caso ele não declarou a ENTRADA dessa grana no país, algo que jamais saberemos. E antes que algum “especialista” pergunte como ele formou seu patrimônio em terra tupiniquim, é bom lembrar que contratos pessoais feitos aqui eram (a princípio) pagos aqui.

    Nunca fui fã dele (aliás, nunca fui fã de ninguém, esse negócio tão adolescente) e nem quero fazer juízo de valor, mas esse papo de se acusar só por acusar é coisa pra gente muito babaca

    • Heitor Freitas comentou em 11/07/13 at 12:35

      amigo você não abre empresa em paraíso fiscal onde ninguém vai ficar sabendo daquele dinheiro, o único motivo de se fazer isso é pra não declarar.

  13. Mauro Lotito comentou em 11/07/13 at 8:43

    Infelizmente, por não pararem de falar sobre Ayrton Senna, novos pilotos brasileiros não surgiram e nem surgirão acabando com um dos esportes mais vitoriosos do país; assim, nossos jovens preferiram migrar para outros esportes (volei, volei de praia, basquete, handbol) a competirem com a fama de um ídolo morto. Que tal virarem a página ?

    • Fábio Gobb comentou em 11/07/13 at 10:37

      A Falta de uma nova safra de pilotos não está mais ligada a uma escassez de recurso de grande empresa em financiar pilotos no exterior, um politica capenga de desenvolvimento do esporte a motor aliado com altos custos para iniciar na carreira?

      • João comentou em 11/07/13 at 14:48

        e tem gente que mete o pau no Massa, mas foi um dos poucos a tentar ajudar coma formula futuro para os brazucas iniciarem.

        • Bob comentou em 11/07/13 at 19:03

          Ajudar a família dele !!! é cada uma aff ..

          • men comentou em 11/07/13 at 22:17

            ajudar a FORMULA, não FAMÍLIA,
            é cada uma , aff

        • joão Castan comentou em 13/07/13 at 3:40

          ele criou a formula futuro, aqui no Brasil, a fam
          íilia dele claro que ele ajuda ganha milhões, larga mão de ficarem invejando quanto o cara ganha, agora que ele fez a formula futuro aqui fez, vocês fizewram o que andaram numa Ferrari ganharam dinheiro, tentaram fazer alguma coisa pra ajudar o automobilismo, nãããoooo ah ta, então escrevam ai embaixo ajudou a família dele de novo.

        • Marinho comentou em 13/07/13 at 22:52

          http://mais.uol.com.br/view/t2pjn3videvl/felipe-massa-lanca-a-nova-formula-future-fiat-04023970C4C91366?types=A

          ta ai o faladores que não fazem nada pelo automobilismo a não ser cornetar
          o link de quando o Felipé Massa lançou aqui a formula Futuro, agora vejam e cornetem mais, porque a única coisa que sai de vocês para o automobilismo é um grande nada

    • abelardo comentou em 11/07/13 at 15:48

      Essa foi uma das afirmações mais absurdas que eu já li… o que atrapalha é torcedor que acha que corredor só é bom quando é campeão e no caso de não ser, o cara não vale nada…

  14. Nilson comentou em 11/07/13 at 1:22

    O mal da internet livre e barata é esse… Qualquer estúpido “dono da verdade” pode se expressar falando Merda. Então Vamos pra RUA protestar contra SENNA!

    • Selton comentou em 14/07/13 at 22:40

      sim até vc escreveu

  15. Luiz comentou em 11/07/13 at 1:21

    Comecei a acompanhar automobilismo nesta época e descobrimos que Senna já aproveitava de seu talento na condução de um F1 para cobrar dinheiro e regalias na equipe.
    Parabéns ao Bruno pela descoberta e parabéns ao Fabio Seixas pelo fato de este blog estar em destaque em Uol F-1.
    Um abraco

    • abelardo comentou em 11/07/13 at 13:14

      Cobrar que regalias? A passagem diz que a equipe tentaria colocar os carros mais iguais possível… lei o contrato do Piquet no outro post para ver a diferença de tratamento…

      • Amadeu comentou em 11/07/13 at 18:07

        possiveis isso da uma grande margem, ou seja igual quando o shummy pegava o carro do barrcihello.

        • abelardo comentou em 12/07/13 at 9:57

          no caso é possível mesmo pois concorda com “o mais”, deixei o “o” oculto…

    • Fábio deoliveira comentou em 11/07/13 at 21:39

      Se Fábio seixas é tão sensato porque ele não comenta outro esporte, pois todo esporte envolve muitos interesses, Fábio Seixas sabe melhor do que nós que o esporte auto -motor envolve muitossssss interessesss!, . Vc é tão ingênuo, é uma verdadeira demagogia.

      • joão Castan comentou em 13/07/13 at 3:41

        porque aqui é blog de automobilismo vai num de vela, futebol ou judô, que colocação mais sem sentido

  16. Bruno Quental comentou em 11/07/13 at 1:11

    Orá, eu sempre gostei mais do piquet do que do senna, mas daía a chegar á esse ponto?
    o problema de colunistas de velocidade no Brasil , não tem oq falar , pq o brasileiro ta se cagando pra automobilismo!
    o Brasileiro gosta é de um brasileiro campeão da F1 com a bandeirinha do brasil!!!!!!!!!!
    e não teve nenhum, que emocionace e desse tantas alegrias como ele!
    Queridão, sennna é unanimidade !!!!!
    parem de criar teorias conspiratórias contra ele!
    Daqui a pouco vão falar que ele comeu traveco igual o Piquet!
    sacanagem”"!!!@!@@@@@@@

    • Heitor Freitas comentou em 11/07/13 at 12:37

      ru gosto também , mas é justamente a part da bandeirinha do Brasil e ele abrir conta caixa 2 que espanta, a imagem dele hoje ficou manchada.

      • abelardo comentou em 12/07/13 at 10:11

        É inacreditável como as pessoas julgam sem nem saber do que estão falando… caixa 2 por quê? Ele não era obrigado a depositar o dinheiro no Brasil. Ele não precisava fazer IR no Brasil. Ele morava fora. Caixa 2 é de dinheiro sem origem legal, que não pode ser justificado legalmente. E no que o salário dele tinha algo de ilegal?

        • Matheus comentou em 12/07/13 at 16:00

          amiguinho ele abriu e colocou o dinheiro nas Bahamas , fica claro a intenção dele de não declarar esse dinheiro em lugar nenhum e foi isso que ele fez, aceite ele fez falcatruas igual qualquer malandro que tem por ai.

    • Martins comentou em 11/07/13 at 13:34

      Unânimade nenhuma, eu torci por ele meu conceito não mudou , mas ele era como qualquer picareta normal fraudava e fazia caixa 2

    • Giovani Jardim comentou em 11/07/13 at 15:56

      Quanta besteira você escreveu. Os dois foram ótimos pilotos, assim como vários outros que já passaram pela F-1 e como alguns que atualmente estão lá

      Gosto de automobilismo, em especial a F-1. E não assisto apenas quando tem brasileiro ganhando. Então fale por apenas por si.

    • Bob comentou em 11/07/13 at 19:06

      Viúva detected !

  17. Marcelo Amaral comentou em 10/07/13 at 23:34

    Os valores do contrato estão atualizados? Caso sejam valores de 1987, não dá para comparar com os valores atuais. Os EUA tem injetado 80 bi por mês na economia, banalizando a moeda. Caso não esteja atualizado, seria interessante atualizar através da cotação do ouro, com certeza, seria um grande salário!

  18. Sergio Magalhães comentou em 10/07/13 at 23:17

    Alô Fabio,

    A cada dia a internet nos surpreende. Como você disse, um achado. Acredito que a grande maioria das pessoas que gostam de automobilismo sempre tiveram a curiosidade de saber os detalhes de um contrato de piloto de F-1. Eu só não imaginava que um dia um desses contratos, ainda mais de Senna, fosse cair em nossas mãos.

    Já imprimi para guardar no meio de minhas relíquias do automobilismo.

    Um abraço, Fabio, e obrigado ao Bruno por nos dar este presente.

  19. Amadeu comentou em 10/07/13 at 22:59

    Ninguém abre conta em paraíso fiscal pra fazer algo lícito só pra esconder o dinheiro mesmo, pior que tem um monte de gente ai ainda falando “mas e se ele declarou?”, se a intenção dele fosse essa não ia abrir tal conta.

    • andersson comentou em 11/07/13 at 7:40

      Caro Amadeu, talvez o excesso de uso pelos políticos brasileiros contribua para o se equívoco, engano esse que deve ser comum. Não é ilegal ter uma conta num “paraíso fiscal”. Tal nome se deve apenas a um local que isenta ou reduz muito a tributação sobre a renda. Entenda que o ilícito que você menciona está na origem do dinheiro e não no destino. Um dinheiro oriundo de corrupção será ilícito se você o depositar nas Bahamas ou na Caixa Econômica. Todos os pilotos recebem seus rendimentos em paraísos fiscais, Schumacher mesmo mudou o domicílio tributário dele da Alemanha para a Suíça, para pagar menos tributos. Um abraço.

      • Paulo comentou em 11/07/13 at 12:25

        sim amigo, mas a bandeira do Brasil o Patriotismo que ele demonstrava, isso não é coisa que ele poderia fazer, qualquer outra pessoa ,comum sim , mas o Senna mostrava uma coisa pra esse povão fanático que vive falando que ele era um modelo a ser seguido e por trás ele fazia igual qualquer político corrupto a questão é essa.

        • abelardo comentou em 11/07/13 at 13:16

          por trás fazia como qualquer político corrupto o quê? Você não gostar dele é direito seu, mas denegrir a imagem dele com falácias por quê? Que eu saiba era o Piquet que colocava tanquinho de água embaixo do carro e esvaziava depois que começava a corrida…

          • João comentou em 11/07/13 at 14:52

            Abelardo ele ta falando de caixa 2 não de truque pra ganhar um grande prêmio, e o Senna fez também como um monte de gente faz, mas tem que ser tratado como picareta igual aos outros, porque com ele seria diferente?

          • abelardo comentou em 12/07/13 at 10:07

            Em nenhum lugar apareceu caixa 2. Vocês é que estão fazendo ilações. Ele ganhou dinheiro legalmente, não era obrigado a declarar aqui porque morava fora. E se vocês não sabem, quem mora fora não precisa declarar imposto de renda aqui, pelo que ganha lá fora.

          • Matheus comentou em 12/07/13 at 15:58

            Abelardo ninguém coloca dinheiro em paraíso fiscal pra declarar depois é mesma coisa que ir na casa de garotas de programa e dizer que foi la só tomar uma cerveja, larga a mão de ser ingênuo.

        • Garcia comentou em 11/07/13 at 15:43

          Paulo, o comentário acima do Anderson acabou de tentar explicar a situação dos paraisos fiscais e pelo visto vc não entendeu nada! Senna ganhou seu dinheiro trabalhando, correndo na F1 e com patrocinadores por isso ele põe o dinheiro dele aonde ele achar que vai perder menos só isso, ele não roubou a Mclaren ou a Willians e “escondeu” o dinheiro nas Bahamas! E outra pode acreditar parte desse dinheiro que ele “economizava” pagando menos impostos voltava para projetos sociais. Eu vivi minha infancia inteira dentro do CEPEUSP na Universidade de São Paulo e Senna treinava lá junto com seu preparador Nuno Cobra (se não me engano), tinha projetos de atletismo lá dentro que de uma forma ou de outra, seu nome era usado para ajudar as crianças, aí está o patriotismo a que vc se refere? Por isso Senna é lembrado até hoje, não porque a Globo ou o Galvao quer ou porque ele levantava a bandeira do brasil nas vitórias mas porque ele representou algo dentro e fora do esporte! A música tema da vitória não foi criada para ele mas ficou tão marcantes em suas geniais vitórias que não consigo escuta-la sem pensar em Ayrton Senna. Somos carentes deste tipo de ídolo, heroi ou o que quer que seja, temos tão poucos que são inesquecíveis e a comparação acaba prejudicando as próximas gerações. Quem é Nelson Piquet? Não o vi correr tanto tempo quanto Ayrton mas pra mim parecia ter uma técnica igual ou melhor que Senna, mas e o carisma? Schumacher? Tem todos os recordes e mais um pouco, ainda sim nunca vai ser considerado o melhor piloto de todos so tempos, porque?…um ídolo se cria dentro e fora das pistas! Abraços

          • Amadeu comentou em 11/07/13 at 18:15

            meu você ta querendo tampar o sol com apeneira como ja disseram mil vezes aqui. Se você coloca dinheiro em para íso fiscal a tua única itenção é não pagar imposto em lugar nenhum e fim de assunto isso é crime sim e não é porque que você deseja que ele continue ídolo que esta questão vai desaparecer, e esse papo que ele deu dinheiro pra ajudar pessoas , porque deu se ele escondeu a maior aprte pra não pagar impostos, então é fraco demais esse argumento, é que nem aqueles políticos que dão lata de leite pro povo e roubam um monte por trás. abraços também e durma com essa.

      • Heitor Freitas comentou em 11/07/13 at 12:32

        Mas o Senna era defensor da pátria , esse era a principal qualidade qie ele demonstrava agora parece qualquer politiquinho de quinta sujou a sua imagem geral

  20. bipolar comentou em 10/07/13 at 21:50

    O Estado brasileiro só eficiente em duas coisas: 1º para matar pobre através do seu braço mais eficaz na sociedade a “Policia”.
    2º Para arrancar o dinheiro da população, seja através de impostos, multas, taxas e etc… e que diga-se de passagem nunca volta para a população.

    • Pedro Gusmão comentou em 11/07/13 at 0:42

      desculpa , mas que tem isso a ver com o assunto do blog?

      • Celso SP comentou em 11/07/13 at 8:57

        Hehe. tu achas que ele tem esse nick por quê?

  21. Gus comentou em 10/07/13 at 21:40

    Tem que declarar imposto aqui somente se vc for residente fiscal. Ele estava morando em monaco, pais isento de imposto de pessoa fisica e recebendo por entidade legal nas bahamas, tudo dentro da lei. sem stress.eh logico que este eh o caminho mais sensato e legal.

    • Pedro Gusmão comentou em 11/07/13 at 0:43

      cara ele abriu a conta em Bahamas paraíso fiscal, ta claro que ele não queria que ninguém soubese dese dinheiro, tapar o sol com a peneira não resolve.

      • abelardo comentou em 11/07/13 at 13:21

        Tá claro que não queria que soubessem do dinheiro? Quem não sabia que ele ganhava muito? E pelo que eu li, vários pilotos tinham conta lá. Òbvio que era para pagar menos imposto… ou você não faria o mesmo, dentro da legalidade? Porque não havia nada ilegal nisso… o dinheiro tinha origem… você está confundindo as coisas…l

        • João comentou em 11/07/13 at 14:53

          tem sim Abelardo ele não pagou imposto pra ninguém .

          • abelardo comentou em 11/07/13 at 15:34

            Mas foi ilegal? O dinheiro não tinha origem? O que ele fez de ERRADO?

          • Bob comentou em 11/07/13 at 19:18

            É ilegal , imoral ou engorda ??
            Senna = picareta

        • Garcia comentou em 11/07/13 at 15:55

          Abelardo, desiste de tentar explicar o inexplicável pra quem está lendo o blog. O cara mora em Mônaco onde ninguém paga imposto mas só porque ele é brasileiro tem que pagar hahahaha é brincadeira! Senna e outros tantos pilotos até hoje fazem tudo dentro da legalidade de morar e ter conta em países que não tem controle de impostos, será que alguém ainda não entendeu? Se não entendeu ainda, mude pra algum desses países e pare de pagar imposto e reclamar do Senna…como o Abelardo disse o dinheiro tinha origem, aqui no Brasil parece que as palavras “paraíso fiscal” virou sinonimo de dinheiro ilícito, que tudo que está em contas nesses bancos ninguém sabe de onde vem!

          • Amadeu comentou em 11/07/13 at 18:21

            O ponto é exatamente esse ele fez caixa 2 como você mesmo disse, que vai totalemnte contra a imagem de bom moço patriota que você mesmo tenta dizer la no comentário de cima, e paraíso fiscal sim é sinônimo de dinheiro ilícito, pois esta em um lugar que nenhum fisco tem controle do dinheiro, você mesmo se contradiz ou não tem conhecimento do que é paraíso fiscal, mas o próprio nome ja define.

  22. Flavio comentou em 10/07/13 at 21:28

    O cara fala que Senna quis brigar com Irvine pois não aceitou ser ultrapassado que o Irvine estava disputando a corrida e Senna não. Senna era líder, Irvine era retardatário e tinha acabado de levar uma volta. Então o louco disputando posição com outro retardatário veio para cima do Senna com tudo, quase bateu, e foi para cima do Hill que iria levar volta do Senna também. Senna teve que tirar o pé, deixar o louco passar e ver noque dairia a briga dele com o Hill, como não deu em nada, Senna ultrapassou o Irvine de novo e foi embora! Um retardário idiota e louco quase jogou a corrida do líder no lixo, mereceu apanhar!

    • O Cara sou eu comentou em 11/07/13 at 11:55

      Trata-se do GP do Japão de 1993. Senna liderava, ia dar uma volta em Irvine e Hill, os dois em disputa pelo 5o, não estavam lá na rebeira. Senna passa Irvine e fica se enrolando para passar Hill. Irvine Passa Senna, pois Irvine estava na disputa por pontos. Senna só administrando folgada liderança. Tanto que Senna ganhou folgado, já nem aí pois o título já era do Prost e ele ia para a Williams, Irvine chegou em sexto, pontando e na mesma volta de Senna. Mas Senna ficou nervosinho e deu piti, agredindo o irlandês. Senna era um grande piloto, mas ultrapassar oponentes não era um direito divino único para ele.

    • Heitor Freitas comentou em 11/07/13 at 12:29

      besterira do Senna, porque com aquela Maclaren ele tava tranquilão era só deixar o Irvine ir embora e ponto.

Publicidade
Publicidade

Folha Shop